Histórico
 24/10/2004 a 30/10/2004
 17/10/2004 a 23/10/2004
 10/10/2004 a 16/10/2004
 03/10/2004 a 09/10/2004
 26/09/2004 a 02/10/2004
 19/09/2004 a 25/09/2004
 12/09/2004 a 18/09/2004
 05/09/2004 a 11/09/2004
 29/08/2004 a 04/09/2004
 22/08/2004 a 28/08/2004
 15/08/2004 a 21/08/2004
 08/08/2004 a 14/08/2004
 01/08/2004 a 07/08/2004
 25/07/2004 a 31/07/2004
 18/07/2004 a 24/07/2004
 11/07/2004 a 17/07/2004
 04/07/2004 a 10/07/2004
 27/06/2004 a 03/07/2004
 20/06/2004 a 26/06/2004
 13/06/2004 a 19/06/2004
 06/06/2004 a 12/06/2004
 30/05/2004 a 05/06/2004
 23/05/2004 a 29/05/2004
 16/05/2004 a 22/05/2004
 09/05/2004 a 15/05/2004
 02/05/2004 a 08/05/2004
 25/04/2004 a 01/05/2004
 18/04/2004 a 24/04/2004
 11/04/2004 a 17/04/2004
 04/04/2004 a 10/04/2004
 28/03/2004 a 03/04/2004
 21/03/2004 a 27/03/2004
 14/03/2004 a 20/03/2004
 07/03/2004 a 13/03/2004


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 Mundo Digital (Blog)
 Inclusão Digital (Site)
 Acessibilidade Brasil
 InternETC (Blog)
 Querido Leitor! (Blog)
 Dilbert (Cartum)


 
Dígito
 
 blogdigito@yahoo.com.br
ciberleitor(es) online


escravizário(paga lanche); 

Hoje é sexta-feira
Chega de canseira
Josiel, paga logo o pastel
E põe na minha mesa!

Pode ser da Ilha, pode ser da Estação
Pastel, pastel, pasteeel.
 

Saiu o pagamento, não há mais desculpa. O estagiário novato tem que pagar o lanche. Para todo o setor. "Pois, sabe como é, né. Quem não paga o lanche tem cancelados os contratos de suporte e bizus". Nada mais motivador e intimador. Perdoem-nos pelo terrorismo da hierarquia...  



 Escrito por Dígito às 08h42 [ ] [ envie esta mensagem ]



sushi(careta);

Apreciar iguarias é um preciosismo ao paladar e uma extravagância ao bolso. Não há explicação definitiva para saborear determinadas comidas. Talvez seja por questões culturais, familiares ou religiosas. Quem sabe porque tragam lembranças da infância ou de uma pessoa querida. Ou apenas por hábito. Ou vício.

Não gosto de comidas com grife, seja de um chef ou de um restaurant. Como aquelas que possuem nomes impronunciáveis e fazem biquinho. Para mim, são sem gosto, sem graça. Pois, salgados mesmo são os cifrões no menu. "Mas gosto é gosto e não se discute". Eu, porém, nunca sentar-me-ia numa dessas mesas só para parecer um gourmant granfino.

Agora, brega é comer japanese food só por que está na moda. Ou é fashion e chic. Nada mais deselegante que fazer careta enquanto se come com "pauzinhos". Antes fosse o Pecado da Gula, que a Soberba. "Vaidade das vaidades! Tudo é vaidade." (Eclesiastes 1:2)

~oOo~

PS: Gostei da autenticidade de cada um nos comentários do post anterior. A favor ou contra. Mas, ambos divertidos e humorados. Gosto é gosto. As desculpas inteligentes também foram deliciosas. Contudo, o que é intragável, repito, são pessoas que fazem pose com "hashi" e "óculos de intelectal". Como moscas desprezíveis e repugnantes. Não vou dizer que perco a fome, mas essa gente me causa ânsia de vômito.



 Escrito por Dígito às 11h15 [ ] [ envie esta mensagem ]



sushi&sashimi

É importante poder realizar alguns caprichos de vez em quando. Ontem, fui almoçar num restaurante japonês.

Gostoso ver a preparação habilidosa do 'sushiman' (ou 'sushineiro', brasileiramente falando). A faca afiadíssima talhar o salmão fresco. As mãos enrolarem o arroz, as algas e os legumes com arte. E o frescor das ervas amargas alcançar o céu da boca.

O hashi sobre o prato. Leve e satisfeito. O paladar, o estômago e a saúde agradeceram... Domo arigatô gozaimashita!



 Escrito por Dígito às 09h43 [ ] [ envie esta mensagem ]



tv(carga pesada);

Ontem assisti 'Carga Pesada'. Calma, não houve mudança na programação de tv ou reprise. Como não pude assistir na sexta-feira, havia gravado o episódio.

Por vezes, pareceu-me mais um programa gastronômico. Pois, os dois caminhoneiros rechonchudos, Stênio e Fagundes, se não estavam enchendo o tanque com alguma "branquinha" ou "geladinha", forravam o estômago com as iguarias de beira de estrada.

Contudo, gostei muito do programa. Não havia a obviedade obscena de "trocar o óleo". Era um tema pesado, mas seguiu na leveza de uma história singela. A linguagem simples, o humor verdadeiro e gente que passa a vida viajando de horizonte a horizonte. 



 Escrito por Dígito às 07h30 [ ] [ envie esta mensagem ]



argh(zzz);

Definitivamente, está difícil acordar cedo. Hoje me atrasei. Se antes, com o frio sobrava-me preguiça para acordar, agora, falta-me animo e disposição.

Depois de uma noite inteira rolando na cama... Quando a madrugada assovia uma brisa de sonhos, é hora de levantar. Argh. Que vontade de recostar-me sobre a mesa. E simular uma longa oração. O problema seria um ronco inconfesso...



 Escrito por Dígito às 09h20 [ ] [ envie esta mensagem ]